Complexo do Itajaí: a carga fala

A seguir, trechos da matéria “Alto custo logístico prejudica exportações de cargas congeladas”, publicada em http://www.economiasc.com.br/index.php?cmd=mundo-corporativo&id=12072:

“José Perboyre, diretor do núcleo financeiro da UBABEF (União Brasileira de Avicultura), destacou a importância de investimentos do setor em contêineres refrigerados. “Está previsto o aumento de 46% na venda de carne congelada para outros países, especialmente aves, nos próximos dez anos. A região Sul precisa estar preparada para atender a essa demanda”, sustenta.”

“Para José Perottoni, diretor de logística da BRF, “quando se avalia capacidade instalada de armazém e o custo de operar em outros portos, Santa Catarina é viável; mas precisa lutar por calados maiores e melhor bacia de evolução para manter-se atuante”. Pouco mais de 90% das exportações da BRF é embarcado na região Sul. Entre os portos da região, Perottoni destacou o complexo do rio Itajaí-Açu, que tem ótimas condições de armazenagem, mas precisa ter capacidade para a entrada de navios maiores.”

Anúncios

About Alexandre da Rocha

Nasci carioca, nasci guanabarino. Desconfio que nasci marinho. Cheguei a deixar do mar, sim... Mas cadê que o mar deixou de mim? Vim morar
%d blogueiros gostam disto: