AQUAVIA | Somália: piratas recebem US$ 12 milhões para libertar navio-tanque

A companhia kuaitiana Arab Maritime Petroleum Transport pagou a piratas somalis US$ 12 milhões de resgate pelo navio-tanque Zirku, de 105.000 toneladas de porte bruto (tpb).

A informação é da Reuters e do site especializado Tradewinds.

O valor é o segundo maior pago para reaver um navio, ficando atrás apenas dos US$ 13 milhões do armador grego NS Lemos pelo navio Irene SL, de 319.300 tpb, em abril deste ano.

O Zirku e seus 29 tripulantes tem estado sob controle dos piratas desde fins de março. Sua libertação ainda não foi confirmada pelas forças navais na região.

Anúncios

About Alexandre da Rocha

Nasci carioca, nasci guanabarino. Desconfio que nasci marinho. Cheguei a deixar do mar, sim... Mas cadê que o mar deixou de mim? Vim morar

One response to “AQUAVIA | Somália: piratas recebem US$ 12 milhões para libertar navio-tanque”

  1. Carlos says :

    É difícil criticar pois envolve seres humanos mas, 12 milhões de dólares!!!!!!

%d blogueiros gostam disto: