MUNDO | Situação deseperada entre os desalojados do Haiti

No Haiti, cerca de dez meses depois do terramoto que devastou o país matando pelo menos 250 mil pessoas e deixando mais de um milhão de desalojados, a vida continua extremamente difícil.

Um relatório do grupo Refugees International diz que as condições em cerca de 3/4 dos campos de refugiados são más e que muitos são controlados por gangs numa atmosfera quase de anarquia.

Uma porta-voz do grupo, que acaba de chegar do Haiti, disse à BBC que há casos de mulheres forçadas a trocar sexo por comida e que as violações em grupo são comuns.

Disse ainda a porta-voz da Refugees International que, para além dos alojamentos serem muito maus, praticamente não há protecção para as pessoas vulneráveis na maioria dos campos sendo necessário um aumento drástico do policiamento.

Anúncios

Tags:

About Alexandre da Rocha

Nasci carioca, nasci guanabarino. Desconfio que nasci marinho. Cheguei a deixar do mar, sim... Mas cadê que o mar deixou de mim? Vim morar
%d blogueiros gostam disto: