AQUAVIA | Simulador prepara portos para maior navio graneleiro do mundo

O Centro de Simulação Aquaviária (CSA) do Sindicato Nacional dos Oficiais da Marinha Mercante (Sindmar) – localizado no Rio de Janeiro e considerado um dos mais modernos do mundo – deu início este ano ao processo de certificação dos Portos de Vitória e de Ponta da Madeira, em Itaqui (MA), para que seus terminais possam receber os navios da classe ValeMax, os maiores graneleiros do mundo, encomendados pela Vale.

O primeiro de uma série de 16 ValeMax deverá chegar ao Brasil em março de 2011. As embarcações estão em construção em estaleiros da Coréia do Sul e da China. Suas dimensões são as seguintes: 365 metros de comprimento por 66 metros de boca (largura), com calado de 23 metros (quilha) e capacidade de carga de 400 mil toneladas.

O calado de 23 metros implicará o aprofundamento do Porto de Vitória para 25 metros – hoje tem 23 metros. Para se ter ideia do que isso representa, cabe lembrar que o Porto de Santos, maior da América Latina, tem calado de 12 metros, devendo chegar a 17 metros apenas com as obras do Programa Nacional de Dragagens (PND), em execução. Já Ponta da Madeira (Itaqui) é um porto natural, com profundidade de 30 metros, e por isso não será necessária a dragagem.

No processo de certificação, o CSA (ver foto em anexo) treina pessoal, incluindo praticagem e operadores do terminal, e analisa todas as variáveis do porto, desde correntes e ventos até o microclima, passando por geometria do canal de acesso, estrutura de atracação, e número de rebocadores necessários, entre outros. Com os dados, gera simulações a partir do software Navy Professional – produzido pela empresa russo-americana Transas Marine – visando a garantir uma manobra segura para o navio e o terminal.

No momento, o CSA mantém 15 técnicos na certificação do programa ValeMax. Vinte profissionais do Porto de Vitória já iniciaram a sua certificação. O trabalho todo deverá estar concluído até janeiro de 2011.

O Sindmar, entidade ao qual o CSA é vinculado, é o sindicato que representa os profissionais da marinha mercante (não militares), que tripulam e comandam os navios de bandeira nacional, incluindo petroleiros, portacontêineres, graneleiros e embarcações de apoio às plataformas de petróleo.

Implantado em 2006, com recursos de R$ 9 milhões, o CSA tem certificado portos e instalações portuárias, e qualificado tripulações, brasileiras e estrangeiras, para todo tipo de embarcações, inclusive plataformas. Entre os trabalhos realizados no ano passado está a certificação da expansão do Terminal de Contêineres da Margem Direita (Tecondi) do Porto de Santos. [www.sindmar.org.br].

Anúncios

Tags:, , , , , ,

About Alexandre da Rocha

Nasci carioca, nasci guanabarino. Desconfio que nasci marinho. Cheguei a deixar do mar, sim... Mas cadê que o mar deixou de mim? Vim morar
%d blogueiros gostam disto: